sábado, 27 de fevereiro de 2016

Como Reagir Frente às Provações (parte 1) - AULA 47 - 07-FASE 2 - 31.02.2016.


Desafios da semana passada:

Na lição da semana passada, fomos desafiados a refletir, durante a semana que passou, sobre quais têm sido as origens das provações que temos enfrentado, ou seja, sobre o que tem gerado tribulações em nossas vidas. Sabemos que isso pode ter como causa as nossas atitudes (pecados cometidos e escolhas erradas) ou pode independer de nós (circunstâncias, Satanás, Deus, etc). E aí? Você pensou sobre isso? Se detectou atitudes próprias que têm causado problemas, encontrou também soluções? Compartilhe com o grupo.

Introdução:

Nas próximas semanas, dando seqüência à série de lições Nas Provações, a qual pertence ao Projeto Tiago: a fé que se revela, seremos ministrados sobre como o cristão deve reagir frente às provações. Para tanto, tomaremos por base o texto que está em Tiago 1.2-18. Não o exploraremos exaustivamente, ou seja, abordando todo o seu conteúdo (o qual, por sinal, é muito rico), mas, sim, o que estiver afim com o tema proposto para as lições. Em lições futuras, poderemos nos utilizar dos pontos não contemplados. Que o Senhor nos edifique através de sua palavra!

Quebra-gelo:

Para, pense e compartilhe: Qual é sua reação imediata quando se vê diante de uma provação?

Desenvolvimento do ensino:

Texto-base: Tiago 1.2-18

Muitos autores e pregadores dizem que o nosso verdadeiro caráter é revelado pela primeira reação que temos frente a um momento de pressão. Em sua epístola, Tiago aponta cinco maneiras de se reagir frente às provações, de modo a se mostrar um caráter cristão maduro e aprovado. Na lição de hoje, abordaremos duas delas.

1. Com alegria

Meus irmãos, tende por motivo de toda alegria o passardes por várias provações, sabendo que a provação da vossa fé, uma vez confirmada, produz perseverança. Ora, a perseverança deve ter ação completa, para que sejais perfeitos e íntegros, em nada deficientes (Tg 1.2-4).

Aparentemente, há uma contradição nestes versículos. Ter por motivo de toda alegria o passar por provações? Se sentir feliz pelo fato de ser afligido por toda sorte de problemas e tribulações? Isso mesmo! A reação mais natural que se pode ter perante uma provação é a tristeza. Não há nada de extraordinário nisso. Entretanto, Tiago desafia os cristãos a reagirem de maneira incomum: com alegria. Por quê? Porque os problemas que enfrentamos podem ser comparados a testes que, se vencidos, conduzirão nossa fé à maturidade.

  1. Seja sincero: aparentemente, há algum motivo para nos alegrarmos com o passar por várias provações? Você consegue encontrar motivo para se alegrar em meio a uma provação?
  2. Você poderia apontar traços de maturidade em sua fé que foram adquiridos mediante provações?

2. Pedindo a Deus sabedoria, se ela faltar

Se, porém, algum de vós necessita de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente e nada lhes impropera; e ser-lhe-á concedida. Peça-a, porém, com fé, em nada duvidando; pois o que duvida é semelhante à onda do mar, impelida e agitada pelo vento. Não suponha esse homem que alcançará do Senhor alguma coisa; homem de ânimo dobre, inconstante em todos os seus caminhos (Tg 1.5-8).

Em momentos de provação, certamente nos veremos diante de importantes decisões a serem tomadas. Muitas vezes, por estarmos com as emoções ouriçadas e o raciocínio confuso, ou seja, sem uma visão clara do que está acontecendo, não estaremos aptos a fazer isso. Se assim for, Tiago nos orienta a pedir a Deus sabedoria. Sabedoria, biblicamente falando, é a capacidade de se tomar boas decisões. Algo muito comum de se acontecer em um contexto de tribulação, é tomar-se decisões erradas, as quais conduzirão a problemas maiores ainda. A melhor opção de reação, frente a uma provação, é não se precipitar, mas, sim, orar a Deus em busca de sabedoria, de modo que uma decisão certa seja tomada.

  1. Você teria alguma história pessoal para contar de uma má decisão tomada em meio a uma tribulação, a qual fez com que o quadro piorasse?
  2. Você teria alguma história pessoal para contar de uma boa decisão tomada em meio a uma tribulação, a qual teve por base o fato de você ter orado a Deus pedindo por sabedoria?

Conclusão e desafios:


Na lição de hoje, aprendemos sobre as duas primeiras reações que Tiago orienta os cristãos a terem diante das provações. São elas:
  • Alegre-se! As provações te levarão a ter uma fé madura e aprovada;
  • Se faltar sabedoria para tomar uma decisão, peça-a a Deus e tome a decisão certa.

Na próxima semana, fique atento às primeiras reações que você costuma ter diante de problemas e momentos de pressão e procure alinha-las com o que você aprendeu nesta lição. Que o Senhor transforme o seu caráter!

Momento sós com Deus:

Até a próxima reunião, separe um tempo para meditar sobre o texto de Tiago 1.5-12. Busque as principais mensagens do texto e como você pode aplicá-las à sua vida.

IGREJA BATISTA DO CALVÁRIO – SÃO JOÃO DO PARAÍSO – MG
www.ibatistacalvario.com.br

2 comentários:

MINI P70 EM CURRAL DE DENTRO - 17/11/12

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

PROJETO APASCENTAR - DISTRIBUIÇÃO DE REVISTA

19º ENCONTRO DE PASTORES - IBIASSUCÊ - BA - 05-09/12

5º ANIVERSÁRIO DA UNIÃO DE JOVENS DA IGREJA BATISTA DO CALVÁRIO - 2012

FAÇA PARTE DA IGREJA BATISTA DO CALVÁRIO VOCÊ TAMBÉM

Uploaded with ImageShack.us

P70 22-25 / 2012 - EM NINHEIRA

ACAMPAMENTO DE INVERNO 22-25 DE JUNHO DE 2012

POSTE LINK DO BLOG NO TWITTER

COMENTE EM MEU TWITTER USANDO O LINK ABAIXO