sábado, 16 de dezembro de 2017

Aniversário dos Jovens Congregacionais em Taiobeiras!

Dias 16 e 17 de Dezembro será o aniversário dos jovens Congregacionais em Taiobeiras!
Contamos com sua presença e uma caravana boa de irmãos da sua igreja!
O tema será: Escravo, quem é o seu senhor?

Preletor: Pastor David Thompson ( IBC Vitória da Conquista)
Serão dias mais que abençoados!
Local: Igreja Bíblica Congregacional de Taiobeiras ( Rua carijós, 112)

ANIVERSÁRIO


terça-feira, 12 de dezembro de 2017

VOCÊ PRECISA ORAR? -112 - 26.07.2017 - AULA 52 - FASE - 3

Como filho de Deus, você precisa conversar com seu Pai celestial. Mesmo achando que não sabe falar com ele, experimente! Ele terá prazer em ouvir e responder às suas      orações.

1. Ore sozinho, diretamente ao Pai. Jesus disse: "Tu, porém, quando orares, entra no teu quarto, e fechada a porta, orarás a teu Pai': (Mateus 6.6.)
2. Ore com humildade. "Deus resiste aos soberbos, contudo aos humildes concede a sua graça." (1 Pedro 5.5.)
3. Ore       em        nome        de        Jesus.        Jesus        disse:        "Ninguém vem ao Pai senão por mim." (João 14.6.) "E tudo quanto pedirdes em meu nome, isso farei, a fim de que o Pai seja glorificado no Filho. Se me pedirdes alguma coisa em                                               meu
1. nome, eu o farei." (João 14.13,14.) Nada de outros intermediários, não adianta 4.
4. Ore      com      a      consciência      pura.      Se      tiver      cometido      pecados, confesse-os. "Se eu atender à iniquidade em meu coração, o Senhor não me ouvirá." (Salmo 66.18 — Revista Corrigida.) Por outro lado, "Se o coração não nos
acusar, temos confiança diante de Deus; e aquilo que pedimos dele recebemos." (1 João 3.21,22.) Se tiver ofendido ou prejudicado a alguém, procure essa pessoa, peça-lhe perdão e faça o acerto que for necessário.
5. Ore com ações de graças. não esqueça de dizer: “Obrigado Pai” em tudop daí graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco." (1 Tessalonicences 5.18)
6. Ore diariamente. Tenha uma hora       e lugar para orar     diariamente, de preferência  sempre à  mesma hora. Cedinho,       pela       manhã,  é excelente  ocasião  para  buscar  a      presença      do      Pai.      "Pela      manhã      ouvirás      a      minha      voz     ó    Senhor;    pela    manhã    me    apresentarei a ti,  e  ficarei     esperando." (Salmo 5.3)
7. Ore esperando receber a resposta. "Tudo quanto em oração pedirdes, crede que recebestes, e será assim convosco." (Marcos 11.24.)
8. Ore com naturalidade, usando suas próprias palavras. Não procure imitar as orações dos outros e nem fique repetindo palavras vazias ensinadas por outros. "E, orando, não useis de vãs repetições, como os gentios; por que presumem que pelo seu muito falar serão ouvidos." (Mateus 6.7.) Cada um tem sua própria maneira de se expressar.
9. Ore segundo a vontade de Deus. "E esta é a confiança que temos para com ele, que, se pedirmos alguma cousa segundo a sua vontade, ele nos ouve. E, se sabemos que ele nos ouve quanto ao que lhe pedimos, estamos certos de que obtemos os pedidos que lhe temas feito." (1 João 5.14,15.)
10.            Ore com persistência. Se a resposta não vier imediatamente, continue orando e diga a Deus que crê que a resposta virá. "Pedi e dar-se-vos-á; buscai, e achareis; batei, e abrir-se-vos á" (Lucas 11.9.)
II. Ore com um companheiro. Cada pessoa deve orar sozinho, mas existem também momentos em que precisamos de um parceiro. "Porque onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, ali estou no meio deles." (Mateus 1820)


IGREJA BATISTA DO CALVÁRIO – SÃO JOÃO DO PARAÍSO – MG
                                 www.ibatistacalvario.com.br

                               www.marcelooquadros.blogspot.com

quinta-feira, 30 de novembro de 2017

O que acontece quando recebemos o Senhor Jesus Cristo? -111 - 19.07.2017 - AULA 51 - FASE - 3

Quando nos arrependemos dos nossos pecados e de depositamos nossa fé em Jesus, entregando-lhe o controle de nossa vida, uma série de coisas fantásticas acontece instantaneamente:
1.  Deus perdoa todos os nossos pecados. "Homem, estão perdoados os teus pecados." (Lucas 5.20.)
2.  Deus nos dá a vida eterna. "...para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna." (João 3:16)
3.  Deus nos dá a condição de justos diante dele.
"Se manifestou a justiça de Deus... mediante a fé em Jesus Cristo para todos os  que crêem..." (Romanos 3.2l,22).
4.  Deus nos transforma em filhos dele. "Mas, e todos quantos o receberam, deu- lhes o poder de serem feitos filhos de Deus." (João 1.12.)
5.    Cristo entra em nossa vida para viver em nós.
"Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e cearei com ele e ele comigo." (Apocalipse 3.20.) A porta é a do seu coração. Quando convidamos Cristo a entrar, ele entra e faz em nós sua morada.
6.    Jesus se torna nosso companheiro constante.
"Estou convosco todos os dias..." (Mateus 28.20.)
Como filho de Deus, já perdoado, e com Cristo no coração assistindo-o sempre, você pode viver uma vida transformada. Conserve uma atitude de arrependimento e
fé, e procure obedecer ao que a Bíblia ensina. Se confiar humildemente em Cristo, você vencerá com ele!

5. Como podemos ter certeza da nossa salvação?
É maravilhoso ser salvo através da fé em Jesus Cristo. Melhor ainda é ter certeza absoluta da salvação. Esta certeza nos é transmitida por Deus de três maneiras:
1. Pela Palavra de Deus. Todas as promessas de Deus são verdadeiras. Quando fazemos a nossa parte ele faz a parte dele. Quando nos arrependemos, ele perdoa. Quando convidamos Jesus para entrar no coração, ele entra mesmo.
"E o testemunho é este, que Deus nos deu a vida eterna; e esta vida está no seu Filho. Aquele que tem o Filho (no coração) tem a vida; aquele que não tem o Filho de Deus não tem a vida. Estas cousas vos escrevi a fim de saberdes que tendes a vida eterna, a vós outros que credes em o nome do Filho de Deus': (1 João 5.11- 13.)
2. Pela confiança íntima que o Espírito Santo nos dá. "O próprio Espírito testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus." (Romanos 8.16.) Recebemos de Deus uma confirmação de que não pertencemos mais a Satanás e nem a nós mesmos; pertencemos a Deus. Somos seus filhos. "Aquele que crê no Filho de  Deus tem em si o testemunho." (I João 5.10)
3. Pela vida transformada. "Se alguém está em Cristo, é nova criatura: as cousas antigas já passaram; eis que se fizeram novas." (2 Coríntios 5.17)
Cristo efetua mudanças em nossos pensamentos, e tenções, atitudes, palavras e ações. Sua vida mudou? E evidência da atuação do Senhor.
A certeza da salvação não vem através dos sentimentos, pois estes são instáveis. A certeza vem através de uma convicção interior. Confie em Deus e em sua Palavra.
Agora que você creu em Jesus para a salvação, há algumas coisas que precisa fazer.
  
IGREJA BATISTA DO CALVÁRIO – SÃO JOÃO DO PARAÍSO – MG

CONVITE


domingo, 12 de novembro de 2017

Trabalhando as diferenças no casamento, por pr. Dr. David Merkh e Carol Sue

Deus tem senso de humor. Caso contrário, nunca teria juntado pessoas tão diferentes na instituição sagrada que chamamos “casamento”:

· O introvertido casa-se com a “vida da festa”;
· O “dorminhoco” junta-se àquela que acorda com os pássaros’
· Ele esmaga o tubo de pasta de dentes; ela faz carinho no tubo para persuadir a pasta a sair;
· Ele coloca o rolo de papel higiênico para sair de cima; ela, para sair de baixo;
· Ele que tirar férias nas montanhas; ela, na praia;

· Ele gosta de churrascarias; ela adora comida chinesa;
· Ele expressa amor por meio de atos de serviço; ela quer ouvir as palavras “Eu te amo”;
· Ele quer dormir com a janela aberta e o ventilador ligado, mesmo no inverso; ela usa dois cobertores, mesmo com a temperatura de 35 graus.

Infelizmente, nem todos acham graça nas diferenças que existem entre cônjuges. Pior, às vezes essas diferenças levam alguns casais à conclusão de que são “incompatíveis”. Logo nos primeiros anos de casamento, ficam desiludidos, frustrados, decepcionados.
Não tem de ser assim. Para valorizarmos a individualidade de cada um, precisamos entender o propósito divino por trás das diferenças entre nós. Além disso, precisamos aprender a aproveitá-las para tornar o casamento ainda mais forte. Deus chamou o homem e a mulher para se completarem, não para competirem!

Por que as diferenças?

Para entendermos esse “senso de humor divino” que une pessoas tão diferentes, precisamos voltar para o estabelecimento do casamento dentro do plano de Deus. Em Genesis 2.15-24, descobrimos alguns princípios importantíssimos que explicam por que o ditado “os opostos se atraem” é verdadeiro para tantos casais.

1.  O homem precisava de ajuda para realizar sua tarefa no jardim. Quando Deus fez o homem e o colocou no jardim do Éden, deu-lhe a tarefa de cuidar e cultivar o jardim (Gn 2.15). Logo em seguida, Deus declarou que não era bom que o homem estivesse só (2.18). Nos seis dias da criação, esta foi a única vez que Deus declarou que algo não era bom. Em outras palavras, Deus disse: “Não dá! O homem não consegue realizar sozinho a obra que eu lhe entreguei para fazer na terra. Está faltando alguém”. O que faltava era a mulher – Eva. Em Genesis 2.18b e 20, Eva foi chamada de “auxiliadora idônea”. Infelizmente, muitos distorcem estes termos para fazer da mulher/esposa uma espécie de “capacho eficiente”. Nada pode estar mais longe da verdade! O termo “auxiliadora” não significa “escrava” – alguém para lavar a roupa e fazer a comida. No Antigo Testamento, a mesma palavra hebraica foi usada para referir-se somente a uma outra pessoa – o próprio Deus! Quando se refere a Deus, o termo é traduzido por “auxílio”(Sl 33.20), “aparo”(Sl 115.9-11), “socorro”(Os 13.9) e “ajuda” (Dt 33.7). Em outras palavras, Deus é descrito como aquele que socorre os seres humanos na hora das suas maiores necessidades. Seria difícil imaginar um título mais nobre que “auxiliadora”. Por sua graça, Deus colocou um representante ao lado de cada homem casado – um auxílio e amparo que o socorre e ajuda em todas as suas necessidades. Assim deve ser a esposa para o homem e, por implicação, o homem para sua esposa – complementos idôneos um para o outro!

2.  Deus criou a mulher para completar o que faltava no homem, e vice-versa. O outro termo – “idônea” – significa literalmente “conforme o seu oposto” ou “de acordo com o que está diante dele”. Em outras palavras, a mulher corresponde ao homem, mas também completa o homem. Ela é o que ele não é, faz o que ele não faz, supre o que ele não tem, e vice-versa. Assim como os dedos de duas mãos se correspondem, mas também se entrelaçam, homem e mulher, juntos, “fecham” as respectivas lacunas na vida de cada um.

Como aproveitar as diferenças?

Infelizmente, demoramos um pouco para perceber que as diferenças contribuem para a saúde do casamento. Alguns fazem de tudo para criar seu cônjuge à sua imagem. Por exemplo, alguém apaixonado por agendas e longas listas de afazeres casa-se com alguém que é bem mais “à vontade”. Nos primeiros anos do casamento, cada um tenta fazer o outro à sua imagem; mas normalmente isso não funciona – e ainda bem! Afinal de contas, quem quer casar consigo mesmo? Escolhemos nosso cônjuge justamente pelo fato de serdiferente de nós.
Um dos segredos de um bom casamento não é que, com o passar do tempo, os dois eliminem as diferenças entre si. A chave é saber trabalhar as diferenças!
Um exemplo da biologia ilustra esse princípio. Dizem que quanto mais diversificados os genes, mais forte torna-se a espécie. Isso pelo fato de que quando dois animais com genes semelhantes cruzam, tendem a reforçar as fraquezas no código genético. No entanto, a diversidade genética enriquece e fortalece a cria, pois, genes prejudiciais são contrabalanceados por genes saudáveis.
O casamento é assim também. O casal sábio aproveita as diferenças entre si para ministrar um para o outro justamente nas áreas de fraqueza ou falha. Por exemplo:

·         Uma esposa extrovertida ajuda seu marido tímido em situações nas quais ele se sente

MINI P70 EM CURRAL DE DENTRO - 17/11/12

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

PROJETO APASCENTAR - DISTRIBUIÇÃO DE REVISTA

19º ENCONTRO DE PASTORES - IBIASSUCÊ - BA - 05-09/12

5º ANIVERSÁRIO DA UNIÃO DE JOVENS DA IGREJA BATISTA DO CALVÁRIO - 2012

FAÇA PARTE DA IGREJA BATISTA DO CALVÁRIO VOCÊ TAMBÉM

Uploaded with ImageShack.us

P70 22-25 / 2012 - EM NINHEIRA

ACAMPAMENTO DE INVERNO 22-25 DE JUNHO DE 2012

POSTE LINK DO BLOG NO TWITTER

COMENTE EM MEU TWITTER USANDO O LINK ABAIXO